terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

Um dia as coisas se ajeitaram, mas enquanto isso fico assim, nessa merda de sensações ruins reprimidas. É que eu tenho vontade de GRITAR, chorar, sentir dor..
Uma dor que sobreponha minha bipolaridade depressiva, que  me faça ME esquecer, porque agora  não é um bom momento para ser quem sou, gostaria de abrir um zíper na minha nuca, sair desse corpo e deitar em um lugar plano e úmido, onde minha insanidade possar exalar enquanto minha mente se transforma em nada. É só que.. parece que o inferno queima dentro de mim na mesma intensidade que o paraíso. Estou tão confusa que nem sei o que estou dizendo, só queria dormir para sempre. Queria que a angustia tivesse fim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário